03 julho, 2014

Café com Filmes - Monstros Vegetais do Espaço

Olá amigos do Café com Filmes

Hoje vamos falar sobre legumes, verduras, plantas... Sim, é isso mesmo, sobre filmes com alienígenas de origem vegetal.
Se você é fã de filmes de ficção científica e sabe que o universo é infinito, então você acredita na possibilidade de existir vidas extraterrestres. E porque não acreditar que, em algum lugar do universo os vegetais são seres pensantes e super evoluídos?
E com esse pensamento, vamos a lista de filmes com alienígenas do reino "Plantae". 

O primeiro filme de que tenho conhecimento é o "The Thing From Another World" de 1951 do diretor Christian Nyby e Howard Hawks. O filme é baseado na história "Who Goes There?” de John W. Campbell, publicada na Astounding Science-Fiction em 1938. 
Capa do livro "Who Goes There?"
Capa do filme de 1951
No filme uma equipe de resgate da Força Aérea é enviada ao Alasca para ajudar um grupo de pesquisadores, numa missão que parece ter sido um acidente de avião próximo da base científica. No local do desastre encontram um disco voador enterrado no gelo. Perto dali, encontram um corpo de um alienígena sob o gelo. Eles o resgatam, procurando mantê-lo congelado até que se saiba mais sobre ele. Descobrem que o ser é uma espécie humanoide de vegetal evoluído, e o que é pior: ele se alimenta de sangue. 

Em 1982, o diretor de cinema, John Carpenter filmou uma nova versão para a história "Who Goes There?", que recebeu o nome de The Thing (br.: O Enigma de Outro Mundo). E em 2011 foi feito um remake que conta uma possível origem ao de 1982. Inclusive, estes dois são os mais fiéis ao "Who Goes There?" pois o alienígena original não é Vegetal.
Um dos monstros do The Thing de 1982
Um dos monstros do The Thing de 2011
The Thing de 1982
The Thing de 2011
Continuando a nossa lista, temos em 1954 a história intitulada de "The Body Snatchers" do escritor Jack Finney publicada originalmente na "Colliers Magazine". Na história o médico Dr. Miles Bennell depois de se ausentar por alguns meses, retorna ao seu consultório e, é surpreendido pelos vários pedidos de consulta, com relatos de que as pessoas não estavam sendo elas mesmas. Na verdade, trata-se de uma invasão extra-terrestre em que os alienígenas vão substituindo as pessoas por réplicas encubadas e geradas em casulos, durante a noite. Na medida em que a invasão aumenta, as réplicas começam a ficar mais ostensivas e Bennell, sofre uma tentativa de "troca", percebe que ele e seus amigos precisam fugir ou sofrerão o mesmo destino. Mas, em quem acreditar?  
Uma das capas do livro de The Body Snatchers de Jack Finney
Em 1956 foi adaptado para o cinema com o titulo de Invasion of the Body Snatchers (br: Vampiros de Almas ou Vampiros da Noite, pt: A Terra Em Perigo), dirigido por Don Siegel. Esta é uma das histórias que mais teve refilmagens para o cinema, mas todas elas seguiram com a idéia da invasão ser através de plantas que substituíam os humanos. Temos as versões Invasion of the Body Snatchers, de 1978, Body Snatchers, de 1993 e The Invasion, de 2007. 
Posters dos filmes de 1956, 1978, 1993 e 2007(dá mais valor aos atores do que a história)
Planta Alienígena do Invasion of the Body Snatchers de 1978
Legume? Verdura? Vegetal Alienígena de Invasion of the Body Snatchers de 1956
Agora partindo para um tom mais humorístico temos a The Little Shop of Horrors (A Pequena Loja dos Horrores) é um filme B de 1960, dirigida por Roger Corman. que conta a história de uma pequena floricultura que vai de mal a pior, até que Seymour mostra uma exótica planta para seu chefe. A pequena planta começa a atrair muitos clientes, curiosos com a exótica planta. O que o pobre Seymour não sabia era que ela se alimentava de sangue, e é ai que começam os problemas, pois ele se vê cada dia mais envolvido em cuidar da planta que lhe trouxe muito sucesso mas também muito terror.
Poster do filme de 1960
Curiosamente o filme fez um bom sucesso e acabou virando musical na Broadway. Mas só no ano de 1986 o diretor Frank Oz, foi quem fez uma versão musical para o cinema, seguindo fielmente a versão de 1960. 
Cena do filme 1960 / Imagem de uma das peças na Broadway / Cena do filme de 1986
Seguindo a linha de Filmes B, temos o Monstro Legume do Espaço, que é uma produção nacional amadora independente, dirigida por Petter Baiestorf no ano de 1995. No filme Dr. Karloff aprisiona um Alien do “Planeta Leguminoso” e chama seu amigo Dr. Marins para ajudá-lo nas experiências, pois o tal “Monstro Legume” é um anarquista intelectual cheio de ódio contra os humanos. Enquanto os cientistas discutem, o Monstro escapa e aniquila todos que vê pela frente, até encontrar Mariza. O namorado de Mariza organiza uma expedição de busca, dando início à uma matança desenfreada, revelando um mal maior. 
Poster do filme de 1995
Imagem promocional dos filmes 1 e 2
Este filme é muito famoso no circulo underground Brasileiro, ganhando uma continuação em 2006, onde o Monstro é salvo por um tímido veterinário que sofre os abusos dos rudes colonos do Sul do Brasil, e que usará a criatura vegetal alienígena como instrumento de vingança.
O diretor Petter Baiestorf com o seu Monstro Legume do Espaço
Então é isso pessoal! Espero que tenham gostado dessa dica de filmes. Caso você conheça algum outro filme onde o alienígena seja de origem vegetal, sinta-se a vontade de nos envie um comentário. Ficaremos felizes em ampliar a nossa lista.

Abraços e até a próxima ^^

2 comentários: